fbpx
ESPUMANTE - A bebida de 2020! - WINEBOX4YOU
2117
post-template-default,single,single-post,postid-2117,single-format-standard,theme-bridge,bridge-core-2.2.2,woocommerce-no-js,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,columns-4,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-20.9,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.6.0,vc_responsive
 

As “borbulhas” já estão na moda! Algumas pesquisas mostram que o consumo do espumante cresceu em Portugal em volume e curiosamente ao longo do ano. Na verdade, o espumante combina praticamente com tudo, inclusivamente com as diferenças do nosso clima! Sendo refrescante e versátil, combina com a maioria da nossa culinária, podendo ser servido como aperitivo, como acompanhamento das principais refeições, bem como em eventos festivos! O ideal é ser servido entre os 6 – 8 ºC. Na minha opinião, dependendo do espumante e da nossa disposição, o casamento perfeito pode ser feito com ostras, camarões, leitão, morangos, chocolate e sobremesas em geral.

Bom 2020 com muitas borbulhas!

Bruno Esteves

Sabia que…

Em Portugal, a produção de vinho espumante de 2003/04 para 2014/15 cresceu 324%, fixando-se nesta última campanha nos 37,4 mil hL, sendo mais de 75% espumante branco. As regiões de produção mais representativas são a Bairrada, Távora-Varosa, Península de Setúbal e Dão. Estima-se também que o consumo de vinho espumante per capita em Portugal seja de 0,34 litros, quando o consumo de vinho tranquilo é de 41 litros por habitante.

As vendas de espumante no mercado nacional aumentaram desde 2000 – 15,6% em valor – estabelecendo-se nos 106 milhões euros em 2014. Excluindo Champagne e Cava, as vendas de outros espumantes (maioritariamente espumantes nacionais) foram de 80 milhões euros no mesmo ano, sendo o retalho especializado o principal canal de comercialização na venda de vinhos deste segmento. Em 10 anos (2004-2014), as exportações de vinho espumante no mundo cresceram 107% em volume e 72% em valor, fixando-se no último ano nos 754 milhões de litros, no valor de 4,6 mil milhões de euros. Em valor, as exportações de Champagne representam 52% do total exportado, pelo que a França é o maior exportador de espumantes a nível mundial, seguindo-se Itália e Espanha. Em sentido inverso, Reino Unido, EUA e Alemanha são os maiores importadores a nível mundial.

Portugal é o 18º maior exportador e o 29º importador, em valor, de vinhos espumantes a nível mundial.

Apesar da crescente produção de vinho espumante português, o Champagne é ainda o segmento de espumante mais representativo no comércio externo, visto representar 56% do valor total de importações de 61% das exportações. Além disso, Portugal importa mais espumante do que aquele que exporta. Face a 2004, as exportações de espumante português (certificado e não certificado) aumentaram 229% em volume e 234% em valor, sendo Angola, França e Brasil os seus principais destinos.

Fonte: viniportugal



Open chat
Podemos ajudar?

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close